Day 02: Tokyo Fashion Week

21.03.2012

A Mercedes-Benz Fashion Week de Tóquio prossegue e a Catarina tem a cobertura do segundo dia de desfiles. Conheça as marcas que se destacaram nas passarelas do evento mais influente da moda asiática.

 

 

 

 

 

Etw. Vonneguet
Com a proposta de se apropriar ao máximo dos novos viés possibilitados pela tecnologia, a marca da designer Olga investe pesado em mídias como Fashion Films, internvenções urbanas e ações em forma de aplicativos para tablets e smartphones. Não é surpreendente, portanto, que a estilista tenha optado por realizar um segundo desfile (apenas algumas horas após sua apresentação oficial na semana japonesa) para o grande público, na entrada da loja de departamento Takashimaya. As modelos percorreram a passarela metalizada sob luzes fluorecentesn vestidas de peças casuais – as calças com modelagem mais justa e saias com estampa tie-dye foram combinadas com camisetas oversized e tricôs assimétricos. A série em xadrez, que fechou o desfile, remete ao auge do Grunge com influência do streetstyle japonês atual.

 

 

 

 

 

 

A Degree Fahrenheit
Seguindo o exemplo de outros designers do line-up desta edição da fashion week japonesa, Yu Amatsu deixou seu cargo em uma grife estabelecida (nesse caso, de modelista de marcas como Marc Jacbos e Jen Kao em Nova York) para focar em sua própria marca. Em sua segunda participação no evento de Tóquio, o estilista mostrou mais uma vez seu cuidado e atenção nos detalhes. Brincadeiras com diferentes texturas deram vida à coleção, composta (para compensar) por uma cartela de cores foi sóbria, que transitou entre tons de cinza, preto e azul clarinho. O longo rosado, repleto de franjas, encerrou a apresentação do bicampeão do prêmio Gen Art com chave de ouro.

 

 

 

 

 

 

In-Process by Hall Ohara
A In-Process nasceu de uma história de amor. O londrino Steven Hall e a japonesa Yurika Ohara estudaram juntos na Central Saint Martins em 2003 e, após a formatura, casaram e resolveram montar uma marca. Inicialmente chamada apenas de “Hall Ohara”, a grife fez sua estreia na London Fashion Week na temporada de Primavera/Verão 2006, resultando na conquista do prêmio New Generation. Desde então, a dupla marca presença no evento japonês e adicionou uma segunda linha feminina (denominada Doodling) e uma masculina. O nome In-Process foi acrescentado para afirmar o novo posicionamento da marca: “[Queremos] capturar a energia de cada roupa, desde o processo de criação,” afirmam os fundadores.

 

 

 

 

 

 

alice auaa
O estilista Yasutaka Funakoshi mostrou um pouco da cultura gótica de Tóquio, começando sua apresentação com um vídeo estrelado por ele mesmo. Na sequência, a primeira modelo abriu o desfile usando um vestido negro cheio de babados e uma mesa (isso mesmo!) amarrada na cintura. Os demais looks mantiveram o clima dramático, com bodies em tricô, casacos com detalhes nos ombros, peças inspiradas em corpetes e vestidos com aplicações de penas pretas.

 

 

 

 

 

 

Whiz Limited
Moda urbana, sem cair no estereótipo do streetstyle japonês. Essa é a proposta de Hiroaki Shitano, fundador e diretor criativo da Whiz Limited. O estilista é referência no mercado do urbanwear, colaborando com gigantes como Levi’s, Adidas e New Balance. Em Tóquio, Shitano exibiu sua colorida linha principal (uma das poucas voltadas ao público masculino no evento), cuja coleção de Outono/Inverno traz opções para combater o frio intenso da estação, com jaquetas pesadas, sweaters em tricô, coletes, detalhes em pele sintética e aconchegantes acessórios, como chapéus quentinhos e cachecóis.

 

 

Camila Beaumord
Imagens: Will Robb do Tokyo Fashion

 

Deixe um comentário

*

*

XHTML: Você pode usar essas tags: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

Spam Protection by WP-SpamFree